Crianças e Bicicletas, o que Todo Pai Deve Saber

Por Pedro Werneck

Graduando em Publicidade e Parceiro Veloseguro

Publicado em 19 de janeiro de 2016. | Atualizado em 24 de junho de 2018.


É importante que as crianças entendam as regras de segurança ao andar de bike, e não saiam para pedalar sem que estejam utilizando todo o equipamento de segurança necessário para evitar ferimentos.

Faz parte da rotina dos pais levar seus filhos para passeios por parques e praças. Uma das atividades mais divertidas é ensinar as crianças a dar suas primeiras pedaladas, principalmente para os pais e mães ciclistas.

Entretanto é importante que as crianças entendam as regras de segurança ao andar de bike, e não saiam para pedalar sem que estejam utilizando todo o equipamento de segurança necessário para evitar ferimentos.

Andar de bicicleta ajuda as crianças a desenvolverem suas habilidades motoras, ganhar auto confiança, além de manter a boa forma e garantir um desenvolvimento saudável do corpo. A parte mais importante de andar de bike é a diversão, desde que em um ambiente seguro e com o equipamento de proteção correto.

Vejamos alguns dos pontos mais importantes ao levar seus filhos para pedalar.

Uso do capacete

Existem várias regras de segurança a serem seguidas quando for levar uma criança para pedalar, mas esta é sem dúvidas a mais importante a ser cumprida e JAMAIS, esquecida. O uso de capacete é mais que do obrigatório para crianças.

O papel dos pais é fundamental para dar um bom exemplo aos seus filhos, usando também o capacete quando estiverem acompanhando seu filho, mesmo que seja em um pedal no parque do Ibirapuera, por exemplo.

É muito importante escolher um capacete de boa qualidade, e que tenha tamanho adequado para a cabeça da criança. De nada vale vestir um capacete se na hora do tombo ele mudar de posição e desproteger alguma parte da cabeça. Lembre-se de assegurar o perfeito encaixe do capacete e observar se as amarradas estão bem afixadas, garantindo que o equipamento esteja estável.

Pode parecer fatalista, mas você só tem um cérebro. Enquanto ossos e pele se curam com o tempo, uma lesão cerebral pode mudar o curso de uma vida para sempre.

Os capacetes de bicicleta são desenvolvidos para se deformarem no momento da queda, absorvendo o impacto que sofreria o cérebro caso estivesse sem esta proteção.

Muita atenção! Uma vez que um capacete sofre um grande impacto, ele já cumpriu sua tarefa, e não é mais confiável para te proteger em caso de acidentes. Jogue-o fora. Acredite, esta não é só uma estratégia usada para vender mais capacetes, é realmente uma questão de segurança.

Vista a criança com o equipamento de proteção adequado

Sim, o capacete é nosso primeiro colocado na lista de cuidados ao levar crianças para pedalar. Entretanto vale enfatizar a importância de outros equipamentos de segurança.

Crianças tendem a levar as mãos, os cotovelos e os joelhos ao chão no momento de uma queda. Mesmo estando em baixa velocidade, o impacto sofrido pela criança em dessas partes do corpo pode acabar com um dia de diversão em família.

É recomendável usar joelheiras, cotoveleiras e boas luvas. Isso irá ajudar contra luxações, ralados e pancadas. Também é importante o uso de tênis, para garantir atrito com o pedal e evitar machucados nos pés. Uma criança que se machuca durante o aprendizado pode associar a experiência de pedalar à dor, e pode assim desenvolver insegurança ao pedalar.

Recomendamos que a criança esteja presente no momento da compra de todos os equipamentos de segurança, assim como da bicicleta. Isso porque, com ela presente, é possível certificar-se do tamanho de todos os equipamentos, evitando a compra de algo muito grande ou pequeno. Quando a criança te acompanha na loja, terá ainda mais estímulo para pedalar e mais motivada estará para usar os equipamentos que escolheu.

Escolha um local seguro

A escolha do local é  parte importante na segurança de quem é iniciante no pedal, principalmente em se tratando de crianças. Prefira parques e praças como locais para quem está dando as primeiras pedaladas. Tente escolher lugares abertos, com poucos obstáculos e baixo trânsito de pessoas e outras bicicletas.

Quando a criança for evoluindo, leve-a para a companhia de outras crianças andando de bicicleta, embora sempre sob a sua supervisão. A interação com outros ciclistas a ensinará a controlar melhor a bicicleta e propiciará o ganho de confiança. O contato entre as
bicicletas e entre os pequenos ciclistas ensina que colisões tem consequências. E fique tranquilo, se estiverem utilizando os equipamentos de segurança certos, dificilmente terão algum machucado mais sério

À medida que a criança evolui suas capacidades, leve-­a para ambientes que apresentem desafios novos. Sempre acompanhe e mostre como se faz. Comece a ensinar coisas como segurança ao andar na rua, ou entre pedestres. Terrenos mais desafiadores também são um passo da aprendizagem, mas lembre-se de­ que a bicicleta e os equipamentos de segurança devem progredir com a dificuldade da via.

Use a bicicleta do tamanho certo

É comum vermos pais comprando para os filhos bicicletas bem maiores, para garantir por mais tempo o seu uso. Entretanto, uma criança em fase de aprendizagem não deve ser orientada a andar em uma bike inapropriada ao seu tamanho. Isso pode trazer grandes dificuldades na hora de pedalar, e acabar causando quedas e lesões articulares.

Novamente, o ideal é que a criança esteja presente no momento da compra da bicicleta, para que o tamanho seja testado e que a escolha seja acompanhada por um vendedor especializado.

Dicas sobre segurança

Quando a criança começa a ter consciência de tudo que está ao seu redor, é hora de ensinar os conhecimentos sobre segurança. Isso inclui explicar sobre os perigos de assaltos e furtos.

Crianças costumam acreditar que ninguém seria capaz de fazer algo como furtar sua bicicleta. Ensinar a nunca deixar a bike desacompanhada é uma lição muito importante. Explique como a bicicleta é um bem de valor, e pode ser alvo de ladrões, e que prendê-la corretamente a um cadeado e a um objeto irremovível quando não estiver por perto é fundamental para evitar furtos.

Cobertura Familiar? Na Veloseguro tem.

Mais algumas dicas importantes para garantir a segurança das crianças:

  • Sempre obedeça às regras da via, seja em um parque ou na rua;
  • Nunca ande contra o fluxo da via;
  • Mantenha as duas mãos no guidão;
  • Sempre teste seus freios. Antes de começas a andar, garanta que eles estejam funcionando;
  • Confira a calibragem do pneu e a segurança das peças da bicicleta;
  • Veja e seja visto. Use cores fortes e faça sinais informando sua intenção;
  • Preste sempre atenção em tudo o que está acontecendo à sua volta, incluindo pedestres, carros e outras bicicletas;

Segurança ao pedalar é a chave para a criança ter uma vida cheia de diversão em cima da bike.  Portanto, tome todas as medidas possíveis para garantir que o passeio seja tranquilo e dentro do planejado. 

Fique ligado no nosso blog para mais informações sobre segurança ao pedalar!